ENSINO QUE COMBINA TRADIÇÃO COM MODERNIDADE

Um país é repleto de contrastes: Mescla o medieval com o moderno, a música clássica com o tecno, vilarejos com grandes metrópoles. Seus lagos, montanhas, palácios, paisagens cinematográficas e monumentos impressionantes fascinam qualquer pessoa. Seu povo ama o futebol tanto quanto os brasileiros e possui uma vocação como poucos para promover eventos, feiras e espetáculos, festivais em ruas e parques, além de suas famosas feiras de natal. Confira porque fazer High School na Alemanha é uma das melhores opções:

pontos-turísticos-Alemanha-4

 As escolas

Nas “High School” (escolas de ensino médio) alemãs, as aulas começam geralmente às 7h30/8h e terminam às 13h30/14h. Durante a tarde, os alunos praticam esportes e atividades opcionais que variam de acordo com o interesse e disponibilidade financeira de cada um. A duração das aulas (ensino médio)  é de mais ou menos 45 minutos e muitos deveres de casa são passados aos alunos. O início das aulas varia de acordo com a escola, mas as férias de verão são de seis semanas.

A decisão de qual série o aluno será colocado é de responsabilidade da escola na Alemanha e de seu diretor. O bom conhecimento do idioma facilitará a colocação em uma série mais avançada. A graduação para estudantes internacionais, no entanto, não é possível.

As famílias

As famílias hospedeiras são cuidadosamente escolhidas pelo programa e recebem o estudante internacional como um membro da família, possibilitando uma genuína imersão na cultura alemã. São de classe média e compostas pelos mais diversos perfis (com filhos adolescentes, com filhos pequenos, sem filhos, casais de idades variadas, ou família composta por somente um responsável como mãe e filhos, por exemplo).

As famílias desejam mostrar a cultura alemã ao estudante, além de ajudá-lo em sua adaptação, aprendizado do idioma, etc. Em contrapartida, desejam receber jovens dispostos a interagir com todos na casa, participar de suas atividades, ajudar nas responsabilidades de casa, tornar-se um membro da família.

Pontos importantes

  • A ficha de inscrição (dossiê) deve ser preenchida da maneira mais completa possível, como se fosse um currículo. Ótimas fotos, respostas completas, que exaltem as experiências prévias do estudante, resultados acadêmicos, hobbies, interesses, etc., são importantes nesta etapa.
  • Não é possível escolher a localidade onde o estudante viverá. A escolha será definida pela equipe alemã a partir da análise da ficha de inscrição do aluno, da família disponível para receber o estudante e da disponibilidade de vagas na escola;
  • Na grande maioria das vezes, os alunos são colocados em cidades de pequeno porte, pela maior disponibilidade das famílias e pela própria segurança dos alunos.
  • O programa também disponibiliza um telefone de emergência 24 horas;
  • O coordenador do programa pode residir ou não na mesma cidade do estudante. Ele pode ser contatado através do telefone que será disponibilizado, para que marquem reuniões pessoais, quando necessário.
  • Para programas com início em agosto, o programa inclui duas semanas de curso de alemão intensivo com refeições e hospedagem em residência estudantil antes do início do intercâmbio propriamente dito. Esse curso permite que os intercambistas adquiram maior fluência na língua alemã e sintam-se mais adaptados ao país antes de se encontrarem com suas famílias hospedeiras.

Sobre o programa

 Pré-requisitos

  • Ter entre 15 e 18 anos (incompletos) até a data do embarque e estar cursando o Ensino Médio;
  • Não ter tido reprovação escolar nos últimos três anos;
  • Ter nível intermediário da língua alemã;
  • Ser flexível para conviver com uma nova cultura, diferentes hábitos, e gozar de boa saúde física e mental.

Duração

Um ou dois semestres letivos, com início em agosto ou janeiro. Lembramos que o ano letivo alemão tem início ao final de agosto. Caso o estudante queira fazer dois semestres letivos na Alemanha, o início do programa será no mês de agosto.

O que está incluído

  • Acomodação em casa de família e refeições de acordo com o costume da família e região.
  • Supervisão local alemã e guarda dos estudantes durante o programa.
  • Traslado de chegada de Frankfurt até o local do curso de 2 semanas (para saídas em agosto). O trecho terrestre Frankfurt/destino final do estudante deverá ser custeado pelo estudante. Esse trecho é normalmente feito de trem e a equipe do intercâmbio local auxilia na compra da passagem, além de acompanhar o estudante até a estação. A família hospedeira aguardará o estudante no destino final.
  • Inscrição na escola na Alemanha e mensalidades escolares.
  • 2 semanas de curso de alemão com hospedagem antes do início do High School propriamente dito (para embarque em agosto);
  • Orientações de preparação no Brasil.
  • Apoio e suporte da equipe do Number One Intercâmbio.

O que NÃO está incluído

  • Passagem aérea e taxas de embarque. Informamos que o Number One possui tarifas de estudante com valores reduzidos para a Alemanha.
  • Despesas relativas a documentos necessários (passaporte, autorização e outros);
  • Despesas pessoais durante a estadia na Alemanha;
  • Seguro Saúde Internacional (a ser adquirido no Number One Intercâmbio);
  • Taxas cobradas pela escola para: atividades extras, clubes, excursões, etc;
  • Material escolar (cadernos, livros quando necessário, etc)
  • Todos os itens que não foram mencionados como incluídos.

OBS importantes

  • Não há previsão exata sobre a data de chegada das informações sobre a família hospedeira. A equipe do Number One entrará em contato com o estudante assim que recebê-las.
  • O processo do visto alemão é feito após a chegada do aluno na Alemanha, com o apoio da equipe local.

 


 

** DEPOIMENTOS **

“Talvez por medo em relação à língua, talvez por medo de como as pessoas são, a Alemanha não é o destino mais comum entre os intercambistas… Não sei dizer se os intercambistas que escolhem outros países estão perdendo alguma coisa, porque eu não sei como é a vida deles lá, mas eu tenho certeza que qualquer um que viesse pra cá ficaria apaixonado por esse país. Assim como eu, só estou no meu segundo mês e não quero ir embora. Antes de viajar, a pergunta que eu mais ouvi de familiares, amigos e conhecidos foi “Por que Alemanha?” e a resposta era sempre a mesma, “Quero aprender a língua, entrar no cotidiano e conhecer a cultura deles e ganhar muita experiência.”. E por incrível que pareça, nesse pouco tempo que eu estou aqui, já consegui pelo menos um pouco de cada coisa. Mas não foi tão fácil como parece, também já passei por algumas dificuldades e situações desconfortáveis aqui, mas o programa do Number One Intercâmbios me ajudou muito, me deram muito auxilio, eu tinha sempre pessoas – que sabem como resolver (ou ajudar a resolver) meus problemas- à disposição. Eu fico muito mais tranquilo, sabendo que tenho alguém pra recorrer quando eu precisar. Estou muito feliz com o programa, espero que continue assim até o fim (já fico triste só de pensar nisso).”

Marcos Michelin
Intercambista #1 – Setembro 2014